VISUALIZAÇÕES

18 janeiro 2016

Poema: "O passarinho dela", de Carlos Drummond de Andrade.

O PASSARINHO DELA

O passarinho dela
é azul e encarnado.
Encarnado e azul são
as cores do meu desejo.

O passarinho dela
bica meu coração.
Ai ingrato, deixa estar
que o bicho te pega.

O passarinho dela
está batendo asas, seu Carlos!
Ele diz que vai-se embora
sem você pegar.

(Brejo das Almas (1934), de Carlos Drummond de Andrade.)