VISUALIZAÇÕES

29 março 2016

Li e recomendo: "O livreiro do Alemão", de Otávio Júnior.


SINOPSE

O autor, ganhador do prêmio Faz Diferença, do jornal O Globo, em 2008, revela como um livro, que ele encontrou no lixo quando tinha oito anos, mudou sua vida para sempre. Morador do Complexo do Alemão, um dos locais mais violentos do Rio de Janeiro, Otávio criou em sua comunidade o projeto Ler é 10 - Leia Favela, para ensinar às crianças o prazer da leitura. Otávio Junior teve amor a primeira vista pela literatura quando viu o livro Don Gatón abandonado num lixão próximo ao campo de futebol que frequentava. Dali em diante sua história de vida sempre esteve atrelada às obras literárias. Sua missão: fazer nascer e crescer dentro de cada morador de uma das comunidades do Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro, o gosto pela leitura. Começou a juntar livros de todas as pessoas que contribuíam e deixava a disposição dos habitantes da sua região.