VISUALIZAÇÕES

12 maio 2016

"Há quem se deite em fogo para morrer. Pois eu sou como o vagalume: -só existo quando me incendeio.", versos do livro "Vagas e lumes", de Mia Couto.